'O Corinthians não pode olhar para baixo', diz Jair Ventura